Rondônia, 20 de Setembro de 2018
MUNDO

Estado Islâmico reivindica assassinato de candidato no Iraque

Fonte: Assessoria
Por France Presse


O grupo extremista Estado Islâmico (EI) reivindicou, nesta segunda-feira (7), pela primeira vez nesta campanha, o assassinato de um candidato às eleições legislativas de 12 de maio no Iraque.

Em um comunicado publicado no aplicativo Telegram, o EI assumiu o assassinato de Faruq Zarzur al Yuburi, candidato sunita na lista liderada pelo vice-presidente Iyad Alaui. Foi morto a tiros em sua residência situada na região de Mossul (norte), que foi o principal bastião do EI no Iraque - disse uma autoridade local à AFP.