Rondônia, 27 de Janeiro de 2021
MUNDO

'Spitfire Women': Morre no Reino Unido uma das últimas mulheres pilotos da Segunda Guerra

Fonte: Assessoria
  • Spitfire Women: Morre no Reino Unido uma das últimas mulheres pilotos da Segunda Guerra
Por BBC


Morreu, aos 103 anos, uma das últimas "Spitfire Women" do Reino Unido — as mulheres que transportavam aeronaves para o front da Segunda Guerra Mundial.

Eleanor Wadsworth era funcionária do serviço Auxiliar de Transporte Aéreo (Air Transport Auxiliary, ATA), uma organização civil criada durante o conflito para fazer melhorias e reparos nas aeronaves de combate e levá-las das fábricas às bases da Força Aérea britânica (RAF, sigla para Royal Air Force).

Segundo a associação de membros da ATA, ela foi uma das 165 mulheres que voaram naquela época sem o auxílio de rádio ou outros instrumentos de voo. No total, 1,250 homens e mulheres de 25 países transportaram por meio da organização cerca de 309 mil aviões de combate, de 147 modelos diferentes.

Wadsworth vivia na cidade de Bury St Edmunds, no condado de Suffolk, na Inglaterra, e morreu após estar um mês adoentada.
  • Spitfire Women: Morre no Reino Unido uma das últimas mulheres pilotos da Segunda Guerra