Rondônia, 16 de Fevereiro de 2020
ESPORTES

Verstappen defende erros como aprendizagem: "Senão é melhor colocar um robô no carro"

Fonte: Assessoria
  • Verstappen defende erros como aprendizagem:
Por GloboEsporte.com


Max Verstappen voltou a mostrar uma opinião contundente quando perguntado sobre seus erros como piloto de Fórmula 1. Em 2018, o holandês foi alvo de críticas pesadas pela quantidade de acidentes, mas aos poucos foi parando de cometê-los, e, em 2019, superou Charles Leclerc e Sebastian Vettel, da Ferrari, para terminar em terceiro lugar no campeonato, apenas atrás dos pilotos da Mercedes, Lewis Hamilton e Valtteri Bottas. O piloto da RBR defendeu que os erros fazem parte do aprendizado.

- Às vezes você tem que pilotar agressivamente e às vezes não. E erros acontecem. Se você não quer isso, é melhor colocar um robô no carro. Mas também é muito bom cometer erros, porque essa é a única maneira de aprender. As pessoas costumam dizer para si mesmas "não faça isso", mas você não pode evitar isso. Especialmente num carro de corrida no limite, é fácil cometer erros. O principal é sempre aprender com eles - disse Verstappen ao site Auto Zeitung.

Vencedor mais jovem da história da Fórmula 1, com apenas 18 anos, em 2016, Max Verstappen disse que sua autoanálise é tão profunda que, mesmo nas vitórias, ele tenta entender como pode melhorar:

- Eu melhorei em cada uma das minhas cinco temporadas na Fórmula 1 até agora. Isso é sempre bom, mas, por outro lado, não é surpresa. Você sempre ganha experiência e automaticamente se torna melhor. Mas eu sempre coloco o sarrafo mais alto. Eu sempre quero me melhorar. Mesmo uma vitória não é boa o suficiente para mim, sempre há espaço para melhorar nas vitórias. Algumas pessoas comemoram vitórias como se tudo desse certo, mas mesmo assim ainda me preocupo.

Com 102 corridas na Fórmula 1, Max Verstappen já conquistou oito vitórias. Em 2020, o holandês correrá novamente pela RBR, mas ele se tem contrato com o time até o fim deste ano.
  • Verstappen defende erros como aprendizagem: